Soluções digitais para as imobiliárias: conheça 6 possibilidades!

A transformação digital está presente em todos os setores da economia. O mercado imobiliário não é diferente e exige cada vez mais soluções digitais que otimizem a rotina. Além disso, elas fazem a conexão entre as novas tecnologias e o novo perfil dos consumidores.

Assim, para se destacar no mercado, é essencial conhecer as tendências do setor. Isso faz com que o apoio da tecnologia seja essencial para oferecer uma experiência adequada aos clientes e aumentar as chances de negócio.

Pensando nisso, neste artigo você conhecerá 6 soluções digitais para o mercado imobiliário. Vamos lá?

 

Relação entre mercado imobiliário e tecnologia

No final do século XX, a tecnologia começou a evoluir mais rapidamente e o mundo passou a viver a Era Digital. Desde então, dispositivos eletrônicos, softwares e aplicativos estão mais presentes no dia a dia das pessoas.

A internet sobrepõe barreiras geográficas e consegue manter todo o mundo conectado em tempo real. Esse processo trouxe inovações para os diversos setores da economia e mudou o comportamento do consumidor, inclusive no mercado de imóveis.

Com isso, as experiências proporcionadas pelas imobiliárias começaram a ter maior importância nas negociações. Praticidade e mobilidade também se tornaram diferenciais relevantes. Afinal, ambas proporcionam mais conforto e otimizam o tempo do cliente.

Outras estratégias que ganharam espaço foram a comunicação e o atendimento personalizado. Isso porque elas permitem que a empresa se aproxime do consumidor e aumentam a relevância do negócio no mercado.

Vale destacar que essas mudanças foram aceleradas com a pandemia de Covid-19. A necessidade do isolamento social fez com que a internet se tornasse uma ferramenta imprescindível para diversos negócios — especialmente aqueles relacionados à compra, venda e aluguel de imóveis.

 

6 Soluções digitais para imobiliárias

Para acompanhar as tendências, a imobiliária pode contar com diferentes soluções visando um melhor posicionamento no mercado. A seguir, você conhecerá 6 opções para ter uma postura focada no meio digital.

Confira:

 

1.      Realidade virtual

As visitas virtuais podem ser determinantes nas decisões dos clientes. Afinal, elas permitem que ele veja cada detalhe dos imóveis por diversos ângulos, como se estivesse no ambiente. Esse diferencial otimiza o tempo dos consumidores, que não precisarão se deslocar até a propriedade.

Ainda, eleva a credibilidade da empresa, pois indica sintonia com as tendências do mercado. Outro ponto interessante é que a solução permite que o imóvel seja visto por qualquer pessoa, independentemente do dispositivo utilizado, da hora ou do lugar.

O processo dispensa a necessidade de agendamento de visitas presenciais e supera barreiras geográficas. Ademais, a alternativa ainda evita a circulação de muitas pessoas em um mesmo lugar, o que está alinhado ao contexto de pandemia e mudanças de hábitos dos consumidores.

Outra vantagem é que empresas do setor imobiliário que oferecem tours virtuais tendem a obter taxas de conversão mais elevadas. Como você viu, a experiência é determinante para captar o interesse dos clientes e estimulá-los a visitar mais imóveis.

Quando o consumidor passa da visita virtual para a física, normalmente ele já está um passo mais próximo da locação. Assim, o encontro presencial tende a ser uma forma de saber mais detalhes sobre o imóvel e finalizar a negociação.

 

2.      Inteligência Artificial

A Inteligência Artificial (IA) é um segmento da tecnologia utilizada para criar dispositivos que podem simular a capacidade humana em termos de descobertas, raciocínio, armazenamento e análise de informações. O mesmo vale para a solução de problemas do cotidiano das empresas.

No ambiente digital, é muito difícil não lidar com sistemas baseados em IA, especialmente com a expansão de conceitos como machine learning. No mercado imobiliário, que se baseia em pesquisas, divulgações e negociações, as tecnologias que utilizam algoritmos são ainda mais importantes.

É por meio delas que a Inteligência Artificial consegue automatizar tarefas e apresentar diversas funcionalidades para a imobiliária. Isso permite que as empresas do setor melhorem a experiência do usuário, aumentem a eficiência e façam análises mais precisas do mercado.

 

3.      Machine learning

O machine learning — ou aprendizado de máquina — pode ser aplicado em diversas tarefas do mercado imobiliário. Uma das principais trata da previsão do valor de casas e apartamentos para negociação.

A solução para avaliação de imóveis costuma se basear em uma ferramenta que requisita as características da propriedade para retornar o valor aproximado. Assim, a tecnologia reúne os dados, faz o processamento das informações e retorna o resultado.

Com a captação de informações frequentes sobre o mercado, ele consegue aprender com os dados, e otimizar as avaliações. Isso permite que a solução entregue precificações alinhadas aos valores praticados no setor e traz mais facilidade para o dia a dia.

 

4.      Contratos digitais

Contratos digitais também são bastante utilizados no processo de locação de imóveis. Eles ajudam a reduzir o tempo necessário para fechar o negócio e são regulamentados pela legislação. Isso garante mais segurança para as partes envolvidas.

As assinaturas digitais ainda facilitam a utilização. O contrato é elaborado e pode ser enviado por e-mail para os clientes. Assim, eles conseguem assinar pela plataforma de sua preferência. A vantagem é que o processo é cômodo, acessível e não exige reconhecimento em cartório.

 

5.      Sites mais completos

Outra solução digital importante para as imobiliárias é montar um site completo. É possível incluir a história da empresa, depoimentos de clientes, materiais de apoio e informações de contato, por exemplo.

A plataforma pode ser integrada a uma ferramenta CRM (customer relationship management) para automatizar os processos. Também é essencial que o site tenha uma versão responsiva para smartphones ou um aplicativo disponível para download.

 

6.      Serviços especiais

Entre as soluções digitais para imobiliárias, não podemos deixar de citar a oferta de serviços como a antecipação de aluguéis. Ele oferece diversas vantagens para o seu negócio, pois aumenta a sua base de clientes, que ficam mais satisfeitos.

Com a evolução do mercado, ele pode ser contratado via internet, de maneira totalmente digital. Além disso, oferecer a antecipação de aluguéis faz com que a sua imobiliária ou administradora de imóveis tenha soluções completas de verdade.

Isso ajuda a captar mais imóveis e permite valorizar a equipe, que pode ganhar prêmios por indicar aos clientes. Para isso, é possível contar com o apoio da Bold Finance.

Nós desenvolvemos soluções financeiras estruturadas e inovadoras e antecipamos aluguéis residenciais e comerciais. Visando trazer ainda mais benefícios, a parceria é completamente gratuita para a imobiliária, que ainda recebe comissões por antecipações realizadas.

As soluções tecnológicas no mercado imobiliário trazem maneiras diferentes de oferecer serviços e interagir com os clientes. Por isso, é fundamental que a sua imobiliária invista em tecnologia e inovação para crescer e se destacar da concorrência.

Quer ter uma imobiliária completa de verdade? Acesse nosso site e seja um de nossos parceiros!

Como manter o seu imóvel sempre alugado?

Ter um imóvel alugado é uma ótima forma de obter uma renda passiva, o que serve para reforçar seu planejamento financeiro e ajudar na conquista de objetivos. Porém, um dos receios dos proprietários é a vacância, ou seja, quando o bem fica sem inquilinos.

É possível evitar essa situação com dicas que ajudam a ter sua propriedade sempre alugada. Dessa maneira, você mantém o fluxo financeiro e consegue fazer planos com maior tranquilidade quanto ao investimento.

Na sequência, descubra como agir para diminuir as chances de o seu imóvel ficar vazio e tenha locações mais longas!

 

Mantenha o imóvel com boa apresentação

Causar uma boa impressão nos interessados no imóvel é essencial para aumentar as chances de o processo de locação ser bem-sucedido. Então uma das prioridades deve ser a manutenção da propriedade.

É preciso cuidar dela para que esteja sempre em boas condições, agregando valor e atraindo mais interessados. Isso significa realizar manutenções e reparos de qualidade, conforme for necessário. Se for o caso, vale a pena fazer uma reforma.

Afinal, um imóvel com layout ultrapassado pode se tornar muito mais rentável ao passar por mudanças na disposição dos ambientes, por exemplo. Portanto, cuidar bem dele é o primeiro passo para tê-lo sempre alugado.

 

Conheça o perfil do locatário ideal

Outra parte importante do processo de locação de imóvel consiste em conhecer o perfil de quem aluga. Dependendo da localização, do tipo de propriedade e mesmo das condições do mercado será necessário direcionar os esforços para públicos distintos.

Se o imóvel estiver em uma região próxima a grandes empresas, o público-alvo pode ser composto por jovens profissionais, por exemplo. Já um imóvel em um bairro residencial e com escolas por perto, provavelmente, atrairá famílias.

Entender o que o provável locatário do seu imóvel procura ajuda a compreender o que deve ser destacado e como fazer a apresentação. Desde as fotos até o texto de divulgação, tudo deve ser focado em quem ocupará o espaço.

 

Conte com o apoio de uma imobiliária

Tão importante quanto manter o imóvel alugado de maneira contínua é garantir que isso seja feito dentro da lei e com segurança para todas as partes. Para que seja possível, o ideal é buscar ajuda de uma imobiliária.

A empresa ficará responsável pela divulgação do imóvel e conseguirá alcançar mais pessoas com suas iniciativas. Assim, há mais chances de encontrar um locatário em menos tempo, evitando a vacância.

Além disso, a imobiliária fica responsável por elaborar o contrato de locação, de conferir os documentos e de dar prosseguimento às etapas burocráticas. Dessa maneira, é possível agilizar os trâmites e dar mais confiabilidade ao processo, o que favorece a locação.

 

Considere ser flexível nas condições

Na hora de definir o tipo de contrato e as condições para a locação, vale a pena ser flexível, caso deseje alugar o imóvel por períodos maiores. Isso é importante porque contratos muito restritivos ou que não são equilibrados para locador e locatário costumam ser menos aceitos.

Em vez de criar regras estritas, como em relação à presença de animais de estimação, vale ponderar se isso é realmente necessário. Faz mais sentido usar mecanismos para garantir a integridade do imóvel, como as garantias que servem para cobrir possíveis danos.

Por falar nas garantias, também é preciso ter cuidado para não estabelecer exigências excessivas. Por lei, só é permitido exigir um tipo, como fiança, seguro-fiança ou caução. Atender a essas regras não apenas evitará problemas futuros como tornará mais fácil o encontro do inquilino.

Outra questão envolve o preço. Como o foco é o longo prazo, pode ser mais interessante estar aberto à negociação do aluguel. Assim, você mantém o locatário por mais tempo no imóvel.

 

Crie uma boa relação com o inquilino

Não são somente as condições do imóvel ou do contrato que favorecem a continuidade do aluguel. A relação entre locador e locatário também é fundamental, especialmente em mercados com grande disponibilidade de imóveis.

A intenção é fazer com que o inquilino fique satisfeito com a locação e que tenha qualidade de vida no endereço. Assim, aumentam as chances de ele querer manter o contrato e mesmo renová-lo. Na prática, é crucial para que a propriedade se mantenha alugada.

Para favorecer esse relacionamento, convém buscar contato frequente com o inquilino. Se houver um conserto necessário que não tenha sido causado por quem aluga e usa o imóvel, fazer o reparo com rapidez fortalece a relação, por exemplo.

Também é preciso estar disponível para tirar dúvidas e prestar suporte, dentro do possível e em parceria com a imobiliária.

 

Aproveite a antecipação de aluguéis

Para potencializar a renda passiva do aluguel, é interessante buscar novas soluções. E uma delas é conhecida como antecipação de aluguéis. Graças a ela, você poderá mudar o fluxo financeiro do contrato de locação, adaptando-o às suas necessidades.

A antecipação de recebíveis consiste no pagamento, feito de uma só vez, dos valores que seriam recebidos ao longo do tempo. O processo é realizado por uma empresa especializada em soluções financeiras.

No caso, a antecipação de aluguéis permite que você receba de 1 a 12 meses de locação, com desconto. Assim, é possível ter o dinheiro em caixa sem a necessidade de esperar o pagamento mensal do inquilino.

Outra vantagem é que há isenção no Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF).

Ao recorrer a essa alternativa, você pode obter um montante financeiro significativo, o que o ajuda a realizar planos, fazer reformas no imóvel ou mesmo investir em outro. Além disso, não precisa mais se preocupar com a inadimplência, que passa a ser responsabilidade da empresa escolhida.

Ao adotar essas recomendações, você tem mais chances de manter seu imóvel alugado por períodos mais longos. Dessa forma, pode gerenciar melhor seus recursos, obtendo renda passiva com mais previsibilidade e tranquilidade.

Quer saber mais sobre a antecipação de aluguéis? Acompanhe nossas publicações no Instagram, Facebook, LinkedIn e Youtube!

Built to suit: o que é e como funciona o contrato de locação BTS?

Quem trabalha no mercado imobiliário ou se interessa pelas soluções do setor precisa ficar atento às tendências. Quando se trata de locação, os contratos built to suit (BTS) se destacam entre as possibilidades ofertadas.

O conceito surgiu nos Estados Unidos, mas já foi regulamentado no Brasil. Dessa maneira, ele pode trazer novas maneiras de fazer contratos. No entanto, também existem diversas dúvidas sobre o assunto.

Assim, é essencial compreendê-lo para saber como lidar com essas alternativas em meio às oportunidades. Para entender o que é built to suit, continue a leitura e descubra como funciona essa modalidade de locação!

 

O que é built to suit?

O primeiro passo para conhecer o conceito é considerar a sua tradução. Em português, built to suit poderia ser interpretado como “construído para servir”. Portanto, trata-se de um contrato de locação que envolve uma personalização maior em relação ao imóvel.

Nesse caso, ele será reformado ou construído a partir das necessidades do locatário. Assim, os custos são cobertos pelo próprio inquilino ao longo do contrato. Logo, o proprietário recebe de volta o valor que foi investido e ainda garante o aluguel.

Outro ponto importante é a sua destinação: o contrato é aplicável somente às locações não residenciais em território urbano. Por isso, não é possível utilizar a modalidade para imóveis que serão usados como moradia ou se localizem em áreas rurais.

 

Regulamentação no Brasil

Essa modalidade de contrato de aluguel foi regulamentada no Brasil em 2012, pela Lei no 12.744. Na legislação, a nomenclatura utilizada é “locação nos contratos de construção ajustada”. De acordo com a norma, ele traz mais liberdade em relação aos termos acordados.

Nesse caso, o acordo é feito por tempo determinado, mas não há limitações em relação ao prazo, por exemplo, nem existe a conversão automática em contrato por tempo indeterminado. Na prática, prevalecerão as condições previstas, que devem abordar:

  • condições referentes à construção ou reforma;
  • prazo de duração do contrato;
  • valores que serão pagos pelo inquilino.

Além disso, a lei estabelece duas questões importantes. A primeira é que o proprietário não pode reaver o imóvel antes do prazo indicado no contrato. Já a segunda determina que o locatário não pode devolver a propriedade de maneira antecipada, exceto se arcar com a multa contratual.

Vale saber que penalidade também não pode exceder o valor da soma dos aluguéis a receber até o término do prazo inicialmente pactuado.

Ademais, as regras da Lei do Inquilinato devem ser observadas sempre que a legislação específica não trouxer normas sobre determinado assunto. Ou seja, questões como garantias, ação de despejo, entre outras dessa lei, continuam válidas.

 

Como funciona esse tipo de contrato?

Devido à sua finalidade diferenciada, o BTS conta com algumas características específicas em seu funcionamento. Nesse caso, os clientes costumam ter critérios mais detalhados e aprofundados sobre as suas necessidades.

Assim, questões como distribuição de espaços, quantidade de salas, mobiliário, acabamentos e outros itens relacionados ao imóvel podem ser incluídos no contrato. A partir das informações, o proprietário desenvolve um projeto que atenda às demandas do inquilino.

Em contrapartida, os aluguéis são firmados por períodos mais longos — entre 15 e 20 anos, normalmente. Isso porque é preciso garantir o retorno para o investimento feito pelo proprietário, cujos valores são diluídos ao longo do tempo.

Por isso, também é importante ter em mente que o valor do aluguel é superior. Afinal, além do custo de locação, ele será influenciado pelo total investido na reforma ou na construção da propriedade.

Tudo isso aumenta a complexidade do contrato, já que traz mais obrigações e responsabilidades para as partes.

 

Quais são as vantagens do contrato BTS?

Entendendo o conceito e o funcionamento do contrato built to suit, fica mais fácil identificar as vantagens. Uma delas é a longa duração. Isso traz mais segurança para o proprietário, especialmente diante do investimento que será realizado.

Outro benefício é a redução do período de vacância do imóvel, já que o contrato é firmado de forma constante por muitos anos — evitando a alta rotatividade de inquilinos e os impactos no retorno obtido.

Também há a maior segurança em relação ao retorno do investimento, devido às condições contratuais.  Todos esses benefícios se aplicam, ainda, à imobiliária responsável por intermediar a negociação. Afinal, ela obtém rendimentos a partir dos ganhos recebidos pelo proprietário. 

Além disso, vale saber que há benefícios para o locatário. Tendo em vista que a modalidade é voltada aos contratos de locação comercial, a boa manutenção do imóvel é essencial devido a questões como ponto de venda e estrutura disponível.

Outro ponto é que não há preocupações com a possibilidade de ter que deixar o local antes do planejado, nem em procurar outro imóvel que atenda às suas necessidades. Ademais, há a vantagem de o imóvel ser entregue pronto e adequado ao que a empresa precisa.

Logo, não é preciso fazer reformas por conta própria ou ter uma alta disponibilidade de capital para realizar mudanças necessárias. Conhecer essas vantagens é essencial para apresentar propostas e aumentar as chances de fechar contratos com esse modelo de locação.

 

Quais são as desvantagens desse contrato?

Por outro lado, o modelo também pode trazer algumas desvantagens. Dessa maneira, é fundamental avaliá-las para tomar decisões mais acertadas sobre o modelo de contrato que será usado.

Para imobiliárias, isso é importante para conseguir informar aos clientes sobre todos os detalhes do BTS. Para o proprietário sempre há o risco de inadimplência. Porém, ela pode ser mitigada com o uso de garantias locatícias ou, até mesmo, a antecipação de aluguel.

Nesse caso, você consegue receber valores de maneira imediata, apenas com um desconto. A antecipação também permite levantar caixa para realizar planos ou cobrir os custos referentes à reforma ou construção de maneira mais rápida.

Outro ponto contra trata da dificuldade que pode surgir para locar o imóvel novamente, caso o contrato não seja renovado. Afinal, a personalização feita pode não ser adequada a outros tipos de negócio, exigindo novas reformas e custos.

Já para os inquilinos, o valor mais alto da locação e a obrigatoriedade de cumprir o prazo ou arcar com a multa podem ser desvantagens. Assim, é preciso considerar tudo isso antes de fechar contrato.

Como você viu, o contrato built to suit traz novas possibilidades para a locação de imóveis comerciais. Portanto, vale a pena conhecer o funcionamento dessa opção para avaliar se ela é viável — e ter condições de esclarecer as dúvidas dos clientes na imobiliária.

Que tal aprender mais dicas sobre contratos de locação? Veja tudo o que você precisa saber sobre a antecipação de aluguel!

Dinheiro na mão: o que fazer com a antecipação de aluguel?

Algumas imobiliárias oferecem um serviço diferenciado aos locadores: a antecipação de aluguel de imóveis. Com ela, o locador pode receber antecipadamente o aluguel dos meses abrangidos pelo contrato. Já pensou no que é possível fazer com esse dinheiro na mão?

É interessante a possibilidade de ter uma soma maior de recursos à sua disposição sem precisar se endividar com um empréstimo bancário, certo? Sem dúvida, esse é um diferencial que pode trazer inúmeros benefícios no seu dia a dia.

Então, que tal descobrir algumas maneiras de empregar esse dinheiro? Confira!

 

Quitar suas dívidas

Há pessoas que têm dívidas e, às vezes, recorrem a empréstimos bancários como uma tentativa de resolver o problema. É verdade que essa estratégia pode funcionar em alguns casos. No entanto, é comum essas pessoas se endividarem ainda mais por conta dos juros da operação.

Antecipar aluguéis a receber pode ser uma solução mais interessante se você está nessa situação. Afinal, a antecipação não se trata de um endividamento, visto que você não ficará devendo para um banco.

Assim, é possível quitar suas dívidas sem comprometer o seu orçamento. Isso porque não haverá uma parcela alta para pagar mensalmente — o que pode colaborar para o equilíbrio das suas finanças.

 

Formar uma reserva de emergência

Ter uma reserva de emergência é importante para manter sua vida equilibrada, mesmo diante de crises e imprevistos. Ela é chamada de colchão de segurança, visto que permite lidar com urgências sem se endividar.

Quando ocorrem gastos inesperados, é comum ter dificuldades para ter dinheiro suficiente para cobri-los. Assim, o momento pode se mostrar prejudicial para as finanças, gerando dívidas e muita preocupação.

Por outro lado, quem tem uma reserva de emergência pode cuidar de imprevistos sem se desestabilizar financeiramente. Para garantir essa tranquilidade, portanto, pode ser uma boa decisão usar a antecipação de aluguéis para montar a sua reserva.

 

Usar como capital de giro

Toda empresa precisa ter um capital de giro para saldar os compromissos do dia a dia. Estes incluem aluguel, contas de consumo, material de escritório, entre outros. Mais uma vez, um empréstimo bancário pode parecer a melhor solução para montar esse saldo.

No entanto, fazer um empréstimo envolve assumir um compromisso financeiro mensal que pode prejudicar o fluxo de caixa do negócio. Vale notar também que alguns financiamentos podem ter altas taxas de juros.

Já a antecipação de recebíveis não representa uma dívida. Afinal, o direito sobre o recebimento do aluguel é transferido a uma empresa como a Bold Finance, que assume o risco de inadimplência do inquilino.

Assim, a antecipação de aluguel pode ser mais vantajosa que um empréstimo bancário para formar um capital de giro para locadores que também são empresários.

 

Montar um negócio

Existe muita gente com ótimas ideias na mente, mas talvez falte dinheiro para torná-las realidade. Se esse é o seu caso, pode ser interessante aproveitar a locação do seu imóvel para obter os recursos necessários e começar sua empresa.

A fase inicial de um negócio geralmente é delicada. Afinal, se o empreendedor se endivida muito, ele pode ter dificuldade para fazer a empresa crescer. Com a antecipação de aluguel, por outro lado, você investir o necessário que o seu negócio precisa para funcionar.

Máquinas, produtos para o estoque, matéria-prima, móveis etc. — comprando-os sem se endividar, seu negócio pode se desenvolver de maneira sustentável. Por isso, se você tem um imóvel para alugar, vale a pena buscar uma imobiliária que ofereça a antecipação de aluguel como diferencial.

 

Comprar um carro

Adquirir bens duráveis é outro objetivo que pode ser realizado com a antecipação de aluguel. Por exemplo, adquirir um carro — ou trocar o veículo que você já tem. Ter o dinheiro na mão pode ajudar a fazer a compra à vista ou dar uma entrada maior.

Assim, não será preciso recorrer a um financiamento, por exemplo. Isso promove economia, já que financiar um veículo pode fazer você pagar juros altos. Logo, é válido descobrir formas de adquirir um bem sem desequilibrar suas finanças, não é mesmo?

 

Dar entrada em outro imóvel

Ao comprar mais um imóvel, você está dando um passo importante para aumentar sua renda passiva — gerada sem a necessidade de trabalho. Por isso, investir em outro imóvel pode ser uma maneira interessante de alcançar seus objetivos.

Contudo, além de demandar uma entrada de alto valor, a compra de um imóvel envolve gastos no cartório de imóveis. Por isso, para fazer tal aquisição, o ideal é ter dinheiro suficiente para lidar com essas despesas sem se endividar.

Se você já aluga um imóvel, recorrer à antecipação oferece a vantagem de ter mais dinheiro disponível para novas aquisições. Assim, é possível realizar mais investimentos no mercado imobiliário com muito mais facilidade.

 

Fazer uma viagem

Há pessoas que desejam viajar para estudar ou passear. Conhecer outros lugares e viver experiências diferentes é uma das possibilidades mais valorizadas, não é verdade? Mas ela exige dinheiro e nem sempre os sonhos são realizados de maneira fácil.

Para não deixar seus planos pelo caminho ou acabar se endividando por causa do seu objetivo, é interessante encontrar alternativas para ter o dinheiro da viagem na mão. Assim, pode ser mais um bom uso para alocar o valor da antecipação de aluguel.

 

Investir no mercado financeiro

Por fim, outra maneira de empregar os recursos obtidos com a antecipação de aluguéis é investir no mercado financeiro. Existem investimentos cujo aporte mínimo é baixo. No entanto, em alguns casos, é preciso dispor de somas maiores para aportar.

Algumas dessas alternativas, inclusive, podem oferecer rentabilidades mais altas. Caso haja compatibilidade com o seu perfil de investidor e seus objetivos, a antecipação de aluguéis pode ser uma oportunidade para você lucrar no mercado financeiro.

 

Como antecipar aluguéis?

Para obter uma antecipação dos aluguéis a receber, busque uma imobiliária que ofereça essa facilidade. As imobiliárias podem oferecer esse diferencial fazendo uma parceria sem custo com a Bold Finance.

Com dinheiro na mão, você pode alcançar diversos objetivos sem se endividar. Por isso, faça um planejamento e considere a possibilidade de obter um adiantamento de aluguéis a receber. Basta buscar um parceiro da Bold Finance para contar com essa facilidade.

Quer saber como encontrar a melhor imobiliária? Descubra como escolher uma imobiliária para deixar o seu imóvel!

Saiba escolher a melhor imobiliária para deixar seu imóvel!

Alugar um imóvel sem ajuda profissional pode ser uma tarefa difícil. Lidar com questões contratuais, vistorias, reclamações e, até mesmo, processos judiciais pode consumir o seu tempo e gerar preocupações. Logo, terceirizar esse serviço a uma imobiliária pode ser a melhor escolha.

Perceba que eventuais investimentos com a contratação de uma imobiliária podem ser mínimos se comparado ao trabalho e à burocracia que podem ser poupados.  Contudo, com a grande variedade de imobiliárias existentes, como escolher a melhor?

Se essa é uma dúvida que aflige você, acompanhe as dicas deste artigo e saiba o que deve ser observado para a tomada de decisão.  Vamos lá?

 

Procure uma imobiliária na região do imóvel

Quando você quer alugar o seu imóvel é preciso pensar como o locatário. É normal que o interessado busque primeiramente as imobiliárias da região em que pretende morar. Assim, conseguirá conferir diversos imóveis, preços e condições que atendam às necessidades dele.

Por isso, você — como locador — deve pesquisar imobiliárias disponíveis na região em que seu imóvel está situado. Essa é uma forma mais simples de conectar locador e locatário e aumentar suas chances de encontrar um morador rapidamente.

Além disso, a imobiliária contratada pode conhecer profundamente a região onde atua. Isso é fundamental para que a avaliação e precificação do imóvel seja correta – e sejam definidas as estratégias de divulgação de acordo com a demanda do mercado imobiliário regional.

 

Verifique a regularidade da imobiliária junto ao CRECI

Para que uma imobiliária transmita confiança, ela deve possuir a certificação fornecia pelo CRECI – Conselho Regional de Corretores de Imóveis. Caso ela não esteja em situação regular perante ao órgão, não poderá prestar um serviço de qualidade para você.

Muitas imobiliárias divulgam seu número de registro em seus meios de comunicação. Com o número em mãos é possível fazer a pesquisa pela internet no site do CRECI, ou por contato telefônico – conforme o Estado onde ela atua.

É importante destacar que o registro da imobiliária no CRECI não atesta a regularidade da equipe de corretores que trabalham nela. Logo, é pertinente verificar também o registro individual do corretor que atender você e que ficar responsável pelo seu imóvel.

 

Analise a qualidade do atendimento e a reputação da imobiliária

Semelhante a qualquer outra empresa que fornece serviços, é essencial que a imobiliária tenha um bom atendimento. Isso porque ela será a responsável por intermediar o negócio, resolver problemas e questões que possam surgir.

Então, o atendimento precisa ser ágil e prático. Portanto, não hesite em fazer perguntas, contatos telefônicos e enviar e-mails para conhecer o tratamento dado aos clientes. Também avalie o tempo e a qualidade da resposta – desde assuntos simples aos mais complexos.

Não esqueça também de conferir as redes sociais, a reputação da empresa em sites de reclamação, além do próprio site imobiliária. O comportamento de uma prestadora de serviços no meio digital diz muito a respeito da forma como administra seu negócio fora da internet.

 

Confira como a imobiliária anuncia os imóveis que administra

O processo de locação de imóveis envolve diversas fases, e uma das mais importantes é a divulgação. Por meio de uma divulgação precisa, com a abordagem certa e comunicação eficaz, seu imóvel terá maiores chances de ser alugado.

Portanto, dê preferência para imobiliárias que anunciam em diversos meios, como internet, revistas e jornais, flyers, etc. Empresas que tenham blog e site ou disponibilizam plataformas digitais para facilitar o acesso do interessado ao imóvel podem atrair mais pessoas.

Ademais, as chances de locação aumentam em imobiliárias que possuem diversos imóveis em seu portfólio. Ao atender variados perfis, o número de acessos de interessados aos imóveis administrados aumenta. Logo, a possibilidade do seu imóvel ser visualizado é maior.

 

Busque uma imobiliária que ofereça diferenciais

Com o que foi visto até aqui já é possível selecionar ótimas empresas para intermediar a locação do seu imóvel. Entretanto, para encontrar a melhor imobiliária é preciso pensar também nos diferenciais que ela oferece para atrair clientes e facilitar a rotina dos proprietários.

Uma imobiliária não pode se limitar a fazer o contrato de locação e cuidar das questões burocráticas – como muitas fazem. Ela precisa inovar e trazer novas alternativas para seus negócios, além de benefícios ao locador. Você já ouviu falar, por exemplo, em antecipação de aluguel?

Situações não esperadas, emergências, ou oportunidades de negócios podem fazer com que você precise ter fácil acesso a um montante financeiro. Mas talvez isso não seja possível quando seu imóvel está alugado — e o pagamento do aluguel é realizado mensalmente.

Entretanto, as imobiliárias estão cada vez mais atentas às alternativas que visam atender à necessidade de que tem um imóvel alugado e precisa levantar dinheiro rápido. A principal delas é a antecipação de recebíveis.

O funcionamento é simples: com a antecipação, o locador recebe o adiantamento de 1 a 12 meses de aluguel de uma só vez. Em troca disso, ele cede à imobiliária o direito de receber os aluguéis durante os meses antecipados.

Quer conhecer mais vantagens dessa alternativa? Confira a seguir!

 

Vantagens para o locador

Além das vantagens já mencionadas, a antecipação dos aluguéis pode ajudar o locador nos seguintes aspectos:

  • mais segurança – buscar a antecipação de aluguéis com a imobiliária que você já tem relacionamento é mais fácil e seguro do que ter que iniciar um relacionamento com um banco ou financeira.
  • taxas menores – quem já pediu dinheiro emprestado em instituições financeiras conhece as altas taxas de juros cobradas. Na antecipação de aluguéis não há juros, apenas um pequeno deságio. Ou seja, é uma opção mais barata.
  • isenção de imposto – o recebimento de aluguel de imóveis é um rendimento sujeito ao Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), porém a antecipação de aluguéis é isenta de IRPF, conforme a legislação.
  • liberdade no uso do dinheiro – quando você pede um empréstimo, o uso do dinheiro pode ser limitado por cláusulas e condições contratuais. Isso não acontece com a antecipação de aluguéis. Com ela, há completa autonomia para o uso do dinheiro.

Como você viu, há diversas questões que precisam ser analisadas para escolher a melhor imobiliária para deixar seu imóvel. E procurar por aquelas que, além de atender o básico, trabalhem com soluções – como a antecipação de aluguéis – pode ser mais vantajoso para você!

Quer entender melhor como funciona a antecipação de aluguel? Entre em contato conosco da Bold Finance e saiba mais!

Como aumentar o faturamento da sua imobiliária com a antecipação de aluguel?

Empresas de diversos setores têm procurado soluções para se manterem sólidas em meio à crise causada pela pandemia de Covid-19. O mercado imobiliário, que já tinha seus desafios por conta da concorrência no setor, tem exigido mais dos empresários que buscam aumentar o faturamento.

Ainda assim, é possível fazer sua imobiliária crescer e se destacar no mercado. Neste post, você verá três pilares que podem sustentar o crescimento da sua empresa e conhecerá uma solução que contribui para a experiência do cliente.

Leia o post até o final e descubra como aumentar o faturamento no mercado de imóveis!

 

Como aumentar o faturamento da sua imobiliária?

Para fazer a sua imobiliária faturar mais, é importante garantir que sua presença no mercado se apoie em um tripé: ter um propósito, padronizar os processos e oferecer ao cliente uma boa experiência.

A seguir, entenda cada um desses pontos!

 

Tenha um propósito

É verdade que os empresários querem que seus negócios gerem lucro. Assim, eles podem ter um bom retorno financeiro, pagar seus colaboradores, fazer investimentos e assim por diante. No entanto, cada empresa precisa ter um propósito para se fortalecer.

A palavra “propósito” tem origem em “proponere”, do latim, que significa “colocar à frente”. Para você entender o que é o propósito de um negócio, considere o da Nike: “Trazer inspiração e inovação para cada atleta do mundo. Se você tem um corpo, você é um atleta”.

O propósito do Starbucks também é interessante: “Inspirar e nutrir o espírito humano — uma pessoa, uma xícara de café e uma comunidade de cada vez”. Com esses exemplos, fica claro que o propósito indica de que modo seu negócio pode contribuir para tornar o mundo melhor, certo?

Desse modo, seu planejamento estratégico terá uma direção. Os colaboradores, por sua vez, terão uma motivação para darem o melhor de si. Além disso, a imagem da sua imobiliária ficará mais clara para os consumidores e o mercado.

Com isso, seu negócio poderá crescer e se fortalecer entre a concorrência. Tudo isso contribui para aumentar o faturamento e alcançar novos objetivos.

 

Padronize os processos

Em algumas empresas é comum que os processos sejam executados sem uma padronização. Talvez os colaboradores sejam designados para determinadas tarefas à medida que as demandas surgem. No entanto, esse modelo de trabalho pode trazer problemas.

Afinal, sem uma padronização, são maiores as chances de erros e de retrabalho. Além disso, pode haver atrasos quando os colaboradores não sabem exatamente o que precisam fazer. Por isso, padronizar ajuda a estabelecer a melhor maneira de executar cada processo.

Para se organizar, faça um levantamento de todas as atividades que são realizadas na sua imobiliária. Em seguida, mapeie os processos, contando com o apoio dos colaboradores. Então, documente as etapas de maneira simples e objetiva e capacite a equipe.

Assim, a eficiência e a qualidade do trabalho aumentarão, contribuindo para a redução de custos e o aumento do faturamento. Vale destacar que até mesmo os corretores podem se sentir mais satisfeitos quando percebem a qualidade do serviço que realizam.

 

Ofereça ao cliente uma boa experiência

Por fim, é fundamental garantir que o cliente tenha uma boa experiência ao se relacionar com o seu negócio imobiliário em diversos canais. Seja por e-mail, telefone, redes sociais, navegando no site ou comparecendo no escritório da sua imobiliária, ele precisa ser bem atendido.

O marketing imobiliário faz parte dessa experiência, ajudando a captar e fidelizar clientes. Afinal, ele muitas vezes está envolvido no primeiro contato da pessoa com o negócio.

Além disso, o cliente precisa sentir que a pessoa que o atende quer ajudá-lo a encontrar a melhor solução possível para sua necessidade. Logo, a qualidade do atendimento é indispensável.

É importante também que o atendimento seja ágil, o que pode ser alcançado com a ajuda da tecnologia. O pós-venda, por sua vez, tem um papel essencial ao reter clientes. Isso porque ele evidencia seu desejo de oferecer uma boa experiência mesmo depois de o contrato ser firmado.

Ademais, oferecer uma boa experiência inclui também apresentar diferenciais. Por exemplo, o cliente locador poderia gostar muito da ideia de receber antecipadamente os aluguéis dos próximos meses, não é verdade?

Soluções como essa podem ajudar a fidelizar o cliente. Por isso, entenda a seguir como funciona a antecipação de aluguel.

 

O que é antecipação de aluguel?

A antecipação de aluguel é uma solução para o proprietário de um imóvel que deseja receber adiantado os aluguéis abrangidos por um contrato. Trata-se de uma maneira de obter uma soma maior de recursos de imediato sem a necessidade de recorrer a empréstimos bancários.

Para você oferecer antecipação de aluguel na sua imobiliária, basta fazer uma parceria com uma empresa como a Bold Finance. Ela paga ao locador, à vista, os aluguéis dos meses à frente — e passa a receber o pagamento mensal do locatário.

 

Quais são as vantagens da antecipação de aluguel para o locador?

Percebe como a antecipação de aluguel pode ser interessante para o locador? Uma das vantagens é a segurança. Afinal, uma empresa especializada assume o risco de inadimplência. Assim, o proprietário não precisa se preocupar com a possibilidade de o inquilino não pagar o aluguel.

Além disso, o locador obtém recursos sem recorrer a empréstimos bancários. Ele pode trocar o carro, reformar um imóvel ou fazer uma viagem sem se endividar.

Existe também um benefício tributário interessante. Isso porque aluguéis são considerados um rendimento tributável para fins de Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF). No entanto, a antecipação é isenta de IRPF, conforme a legislação.

Com tantas vantagens para os clientes, sua imobiliária também se beneficia. Ao oferecer essa facilidade, ela pode se tornar mais conhecida e se diferenciar no mercado. Assim, você pode aumentar sua carteira de clientes e, em resultado disso, ampliar o faturamento.

 

Conclusão

Aumentar o faturamento de uma empresa depende de planejamento e organização. Como vimos, bons parceiros também podem contribuir para a receita do seu negócio. Assim, sua imobiliária terá soluções inovadoras para oferecer aos clientes, ajudando a fortalecer sua presença no mercado.

Ainda não tem certeza de que a antecipação de aluguel pode beneficiar sua imobiliária? Confira como usar a antecipação de aluguel para fazer seu negócio crescer!

Como agilizar o processo de locação de imóveis? Descubra!

A locação de imóveis é um processo que não exige uma quantidade de recursos tão elevada quanto a compra ou a venda. Ainda assim, o proprietário ou a imobiliária podem se deparar com uma demora na execução dos trâmites. Para lidar com isso, o ideal é buscar soluções para dar agilidade.

Cada uma das partes pode adotar medidas que são úteis para tornar todas as etapas da locação mais ágeis. Entre as alternativas, a antecipação de aluguel pode oferecer uma grande ajuda — e você saberá como isso funciona.

Continue a leitura e entenda como agilizar a locação de imóveis tanto por parte do proprietário quanto da locadora!

 

Como o locador pode locar o imóvel mais rapidamente?

Ser capaz de alugar o próprio imóvel com agilidade garante o recebimento dos aluguéis em menos tempo. Com isso, é possível complementar a renda, além de evitar que o imóvel passe por uma depreciação prolongada.

No caso do locador, colocar algumas dicas em prática pode ajudar. Confira!

 

Realizar melhorias no imóvel

Dependendo do tipo de imóvel e de suas condições, fazer melhorias pode ser essencial para atrair a atenção dos interessados. Como estamos falando de locação de imóvel, não é necessário realizar grandes mudanças.

Porém, vale a pena deixar o imóvel pronto para morar. Corrigir vazamentos ou fazer uma boa pintura são ações que valorizam o espaço e o tornam mais funcional para o morador — aumentando a chance de conseguir um inquilino.

 

Precificar corretamente

Definir o valor que será cobrado no processo de locação também é fundamental para aumentar as chances de conseguir os resultados esperados. É importante considerar a região, o tamanho do imóvel e suas características de estrutura que podem fazer parte do preço.

Além disso, considere outros valores, como a taxa condominial e o IPTU. Às vezes, vale a pena cobrar menos do aluguel para compensar o condomínio que será incidente no acordo entre as partes. Afinal, muitos interessados desistem do processo ao se deparar com uma taxa muito alta.

Ao precificar, é interessante definir um valor com espaço para negociação. Dependendo da situação, isso poderá ser um atrativo para o futuro locatário.

 

Contar com ajuda profissional

É indispensável ter apoio de quem mais entende do mercado, o que significa recorrer a uma imobiliária. Com a atuação dessa empresa, é possível garantir que o processo de locação aconteça de maneira legalizada.

A atuação desse time fará com que o contrato atenda a todas as regras da lei de locação de imóveis ou Lei do Inquilinato. Assim, pode-se ter amparo jurídico e evitar problemas futuros por cláusulas que não são permitidas.

Além disso, a imobiliária é capaz de alcançar um público maior, atraindo mais interessados no imóvel. Com mais oportunidades, cresce a chance de locar o imóvel de modo rápido.

 

Como a imobiliária pode agilizar a locação de imóveis?

Quando a imobiliária foca em acelerar o processo de locação, ela busca garantir mais satisfação para os proprietários. Isso pode gerar indicações para outros clientes e também leva a um pagamento antecipado das taxas devidas.

A seguir, veja como a empresa pode agir!

 

Oferecer atendimento personalizado

Ter um bom atendimento é uma das características indispensáveis para ser capaz de atrair proprietários que buscam ajuda sobre o processo de locação de imóveis. Além disso, é uma forma de conseguir mais satisfação e até de fidelizar clientes.

Portanto, convém ter um time que seja capaz de dedicar atenção exclusiva a cada proprietário. Também é importante manter a boa comunicação e a transparência, pois isso estimula a confiança e pode levar a um desempenho melhor sobre a captação de interessados em se tornarem inquilinos.

 

Anunciar o imóvel de forma persuasiva

Um dos diferenciais da imobiliária é o fato de a empresa ficar responsável pela divulgação de imóveis para a compra e para a locação. Para acelerar essa etapa e conseguir a assinatura do contrato mais rapidamente, é fundamental ter bons anúncios.

Eles devem ser apresentados para o público certo e nos canais ideais. Para completar, os anúncios precisam ter alta qualidade e incluir elementos atrativos — como imagens bem produzidas. Isso atrairá mais oportunidades e ajudará a fechar negócio.

 

Agregar mais valor com serviços exclusivos

Para que seja possível fechar o contrato com rapidez é necessário, em primeiro lugar, convencer o proprietário a escolher a imobiliária. Portanto, vale a pena usar soluções que gerem destaque em relação aos concorrentes.

Disponibilizar soluções exclusivas é outra estratégia interessante de chamar a atenção dos proprietários e iniciar mais rapidamente a relação. Como consequência, o processo de locação também pode ganhar velocidade.

Mais que apresentar diferenciais em relação à concorrência, é fundamental que o serviço agregue valor. A intenção é tornar o procedimento mais eficiente para todos, mostrando que a empresa se preocupa em atender diversas necessidades dos clientes.

 

Como a antecipação de aluguel pode ajudar na locação de imóveis?

Tanto para o proprietário quanto para a imobiliária, a oferta de antecipação de aluguel pode ser muito útil para acelerar a locação de imóveis. Essa solução é executada por uma empresa que antecipa para o locador um valor que varia de 1 a 12 meses de aluguel, com desconto.

O dinheiro é depositado diretamente na conta do locador. Depois, a empresa recebe os valores do aluguel diretamente do inquilino. Não se trata de um empréstimo e, sim, de uma cessão de crédito com antecipação de valores.

Para a imobiliária, a alternativa traz a chance de se diferenciar, atraindo o interesse do locador. Quanto mais cedo essa decisão for tomada, mais rapidamente a locação acontecerá. Também é possível receber uma comissão e prêmios por contratos fechados.

Para o locador, há benefícios ainda maiores. Um deles é a capacidade de obter recursos de modo prático. Além disso, há a eliminação do risco de inadimplência do aluguel e a chance de aproveitar benefícios no Imposto de Renda.

Como você pôde ver, acelerar o processo de locação de imóveis é vantajoso tanto para proprietários quanto para a imobiliária. No caso da empresa do mercado de imóveis, a antecipação do aluguel é um serviço que gera diferenciação e agrega mais valor — agilizando o processo de locação.

Para aproveitar essa solução de modo completo, entre em contato conosco da Bold Finance e fique à frente dos concorrentes!